HANTOLOGIA

2019
MICKAEL DE OLIVEIRA & NUNO M CARDOSO

© Bruno Simão

NOVA CRIAÇÃO 2019

"A sombra escapa do corpo como um animal que abrigámos [...] e a sombra observa, reflecte e teme essa liberdade desprotegida

 

Gilles Deleuze, Francis Bacon - A Lógica da Sensação

 

Prestes a entrar no século XXI e numa era fértil em narrativas escatológicas e teorias sobre o fim da história, consagrado pelo triunfo do capitalismo ocidental, Jacques Derrida cunhou o termo "Hantologie" (Espectros de Marx) - a manifestação ontológica de vestígios ideológicos e culturais que, vindos do passado, assombram o contexto presente, causando uma disjunção na passagem linear do tempo. 

Partindo do conceito inaugurado por Derrida e ancorados na ideia de assombração, Mickael de Oliveira e Nuno M Cardoso assinam, depois de OSLO (2015), uma nova criação HANTOLOGIA, que se pretende um exercício espectral sobre a persistência de visões radicais e projeções utópicas que acabaram por falhar e que, como fantasmas, assombram - ainda que a partir da ausência - a nossa contemporaneidade. 

APRESENTAÇÃO

TEATRO ACADÉMICO DE GIL VICENTE (COIMBRA, PT)

4 DE DEZEMBRO DE 2019

Concepção e Encenação: Mickael de Oliveira e Nuno M Cardoso

Interpretação: Ana Sampaio e Maia, Camilla Morello, Catarina Luís e Joana Petiz

Acompanhamento Artístico: Marta Bernardes

Dramaturgia: Maria Inês Marques

Sonoplastia: Afonso Silva

Desenho de Luz: Rui Monteiro

Assistência ao desenho de luz: Teresa Antunes

Vídeo: Maria Leite

Direção Técnica: Luísa Osório

Registo vídeo: Fábio Coelho

Produção Executiva: Maria Inês Marques

Produção: Colectivo 84

Coprodução: TAGV

Apoios: DGArtes, AMANDA, Circolando, Nome Próprio, Teatro Experimental do Porto, Teatro Municipal do Porto

© COLECTIVO84

Colectivo84 é uma estrutura subsidiada continuamente pelo Ministério da Cultura Direção Geral das Artes.

  • White Facebook Icon
  • White Vimeo Icon
  • White Instagram Icon